Cidades

Rodoviários entram em greve em Saquarema

Saquarema amanheceu sem transporte público nesta quarta-feira (07). Rodoviários da empresa Rio Lagos decidiram cruzar os braços contra uma série de demissões.

De acordo com a categoria, desde o princípio da pandemia 40 profissionais foram demitidos. Os rodoviários alegam que há uma disputa ‘desleal’ com o transporte alternativo na cidade, o que gera redução de passageiros e os desligamentos na empresa.

Em nota, a categoria pede ao poder público que tome providências.

De acordo com a prefeitura de Saquarema, a greve é irregular, pois não atende nenhum critério mínimo da Lei 7783, popularmente conhecida como Lei das Greves. Sobre o transporte alternativo, a administração municipal informou que o mesmo não é regulamentado e as ações de fiscalização ocorrem por meio da Guarda Civil Municipal e agentes da Secretaria de Segurança e Ordem Pública dentro dos limites e vias de competência do município. A prefeitura ressaltou ainda que a maioria das vans que rodam no transporte alternativo em Saquarema trafegam por rodovias estaduais e em linhas intermunicipais, de responsabilidade do DETRO.

Sobre a queda na demanda de passageiros, a nota da prefeitura diz que não ocorre somente por conta do transporte alternativo. O maior impacto na queda do número de passageiros se dá por conta da pandemia, resultando na diminuição de pessoas circulando pela cidade e no aumento de utilização de transportes individuais ou por aplicativo, o que pode ser visto em todo o país.

Confira o trecho

“A Rio Lagos hoje na sua maioria só está operando carregando gratuidades. Pedimos ao poder público que olhem para nós com carinho nesse momento. Não aguentamos mais essa situação, chegamos ao limite”.

 

O post Rodoviários entram em greve em Saquarema apareceu primeiro em ErreJota Notícias.

Fonte: Cidades – ErreJota Notícias